sábado, 21 de setembro de 2013

Lembre-se de Morrer


Lembre-se de Morrer é uma obra que promete, com um enredo contagiante e empolgante. Personagens marcantes e fortes. Se alguém esperava por um livro com ingredientes que pudessem apimentar uma história, recomendo esta leitura. Para provocar o "paladar mental" segue um aperitivo. 

Eles se tornam grandes amigos e se apaixonam pouco a pouco; e ficará bem claro o contraste de personalidades deles por conta de suas almas. Ao mesmo tempo, os Guardiões de Lucian começam a se apaixonar, Selina por Arish e Arish por Selina, mas ambos evitam uma proximidade maior porque seria proibido que dois seres de energias opostas se relacionassem, pois geraria um desequilíbrio de energias que resultam sempre em catástrofes... no meio disso, Agnes se convence de que Lucian não é louco e sim que ele pode ver espíritos e essas coisas, por isso o convence a iniciar uma busca pela descoberta da magia e juntos se tornam magos independentes - uma espécie de magos urbanos não filiados a nenhuma ordem ou sociedade mística. -  eles se tornam capazes de ver e conversar com Selina e Arish, mas ao mesmo tempo atraem a atenção de um poderoso ser que vive entre os humanos, Balan (que já foi anjo e demônio). Entretanto, como eles se tornam muito poderosos, a Ordem dos Magos da Tempestade os convoca para realizar missões em troca de salvar a alma de Arish e Selina, que por se relacionarem podem ir para a Prisão Eterna. Como Arish e Selina são o mais próximo de uma família para Lucian, ele aceita, mas algo sai errado na primeira missão e Agnes tem a alma corrompida por um incubus e Lucian perde seus poderes, o que os torna vulneráveis ao ser do mundo inferior que persegue Lucian, um devorador de almas. Eles experimentam uma vida normal pela primeira vez, sem poderes, sem espíritos, sem perigos; sem saber que pouco a pouco o devorador de almas se aproxima...

Gostou, então procure saber mais. LINK DO FACE

Ou entre em contato comigo.

*******-------*******-------*******-------*******-------*******-------*******-------*******
Texto e criação do autor J.C.Hesse, especificamente para este blog, ao utilizar este texto, por favor, não se esqueça de mencionar a autoria e a fonte. Meu Twitter: JCHesse Abraços, J.C.Hesse (procure no google)